O planejamento financeiro é um aspecto importante das operações da empresa porque fornece diretrizes para orientar, coordenar e controlar as iniciativas da empresa, de modo a atingir seus objetivos.

Dois aspectos fundamentais do processo de planejamento financeiro são planejamento de caixa e planejamento de lucros. O planejamento de caixa envolve a preparação do orçamento de caixa da empresa, o planejamento de lucros envolve a preparação das demonstrações financeiras para tomada de decisões.

O processo de planejamento financeiro começa com planos financeiros ou estratégicos de longo prazo. Em geral, os planos e orçamentos de curto prazo implementam os objetivos estratégicos de longo prazo da empresa.

Planos financeiros (estratégicos) de longo prazo, estabelecem as ações financeiras planejadas de uma empresa e o impacto previsto dessas medidas em períodos que variam de dois a dez anos.

Os planos financeiros de longo prazo são parte de uma estratégia integrada que, com os planos de marketing e de produção, orienta a empresa para a realização de seus objetivos estratégicos. Tais planos tendem a ser embasados por uma série de orçamentos e de planos de lucros anuais.

Planos financeiros (operacionais) de curto prazo especificam as ações financeiras de curto prazo e o impacto previsto dessas ações. Esses planos abrangem um período de um a dois anos. Os principais produtos incluem inúmeros orçamentos operacionais, o orçamento de caixa e as demonstrações financeiras para análises estratégicas.

O planejamento financeiro de curto prazo começa com a previsão de vendas. Desta, são desenvolvidos os planos de produção, que levam em conta os tempos de preparação e incluem estimativas das matérias-primas exigidas. Usando os planos de produção, a empresa pode estimar os requisitos de mão-de- obra direta, as despesas gerais e as despesas operacionais da fábrica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *